<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d7480918\x26blogName\x3dSegredos\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://secretd.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://secretd.blogspot.com/\x26vt\x3d6045235995717618656', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Segredos..
 

A Lua & o Sol

"Sob a terna e clara luz da Lua, penso em ti.
Lembro-me como costumava ser. Como costumávamos ser. Os dois.
Costumávamos optar por viver o lado livre do que eu chamo de amor na sua forma mais pura e desinteressada. Aquele lado que não obriga a ceder à prisão e à razão, às perguntas dos porquês. Aquele lado que não nos obriga a ceder a nenhuma lei, a nenhuma teoria, a ninguém...
Lembro momentos que fazem parte do pacote de sonhos vividos... daqueles momentos pequeninos que tantas vezes ficam só entre dois olhares. Momentos que tantas vezes só vemos depois de os viver. Momentos. Os genuínos.

Sob a terna e clara luz da Lua, penso em ti.
Sob a efémera luz do Sol, também."
[ Lara Stue em A Lua lembrou-me de ti ]

There

  1. Blogger Patrícia | 22 janeiro, 2007 17:40 |  

    Porque há momentos que nunca se esquecem... E porque, então, toda e qualquer coisa serve de "desculpa" para lembrar deles.
    Mas ainda bem. Enquanto assim for, significa que o que ficou para trás foi bom. E é sempre bom ter um Passado bom... (=

    Um beijinho *